O post sobre “os  7 vilões que fazem a barriga crescer muito “fez o maior sucesso aqui no blog. Hoje a minha amiga e nutricionista Alessandra Carneiro nos dará dicas preciosas sobre algumas possíveis trocas que podemos fazer em nossa alimentação em busca da sonhada barriga chapada. É o sonho dos homens que querem trincar, definitivamente. Vamos lá?

Além de fazer corretamente suas atividades físicas sempre com acompanhamento de um profissional, algumas mudanças na alimentação o ajudarão a conquistar o sonhado tanquinho. 

 Dicas para o abdomen perfeito

Por exemplo:

Mastigar:

Quanto mais eu mastigo, mais níveis de saciedade vão conseguir sentir, auxiliando no processo de enxugar a barriguinha saliente. Quanto mais fracionar os alimentos, mas fácil ficará a sua digestão, que vai evitar o efeito estufa no abdômen, por exemplo, quando não mastigamos ocorre uma grande sobrecarga no estômago e um aporte muito maior de fluxo sanguíneo, o que vai ocorrer uma grande distensão nessa região.

 

Comer menos e mais vezes, que lindooo:

O Excesso de comida faz volume no estômago. Por isso, diminua o tamanho das refeições principais e faça pequenos lanches entre elas. “Procure também se alimentar sem pressa e em ambiente calmo. Quem come num piscar de olhos tende a engolir mais ar, o que também aumenta a região abdominal”.

 

Porque não preferir os alimentos de fácil digestão?

Alguns itens, como as frutas, os grãos integrais e as verduras, passam mais rapidamente pelo intestino e ajudam seu funcionamento. Já os de absorção lenta favorecem a fermentação, responsável pelo aspecto da região abdominal inchada. “Logo, evite comidas gordurosas, como queijos, carne vermelha, grão-de-bico, repolho, couve-flor e doces” estes alimentos favorecem muito a distensão do abdômen isso no período noturno;

 

 Aproveite as fibras, na sua alimentação, mas sem exagero:

Isso porque elas conseguem ajudar o intestino a funcionar, o que elimina aquele aspecto de abdômen estufado. E estão presentes nas frutas, nas hortaliças e nos produtos integrais, como granola, farelo de aveia e linhaça. Mas exagerar na dose pode ter o efeito contrário, provocando cólicas e inchaço. “Para facilitar a eliminação do excesso, é importante beber bastante líquido durante o dia”;

 

Porque não trocar os refinados por integrais??

Deixar de lado o pão, o arroz, a farinha e a massa convencional e optar pelas versões integrais, isso não é recomendável apenas para as mulheres, mas para os homens também, isso se chama fazer trocas inteligentes.  De novo, além de terem mais fibras e ajudar o intestino a funcionar melhor, esses alimentos conseguem abaixar o índice glicêmico, o que evita a produção excessiva de insulina, hormônio que estimula o organismo a estocar gordura;

 

Evitar o excesso de salgados durante a semana como opção de lanches diários:

Procure mesmo evitar alimentos muito condimentados e/ou salgados. Excesso de sódio provoca retenção hídrica, responsável pelo aspecto de inchaço no corpo – inclusive na região abdominal, claro. “Os condimentos irritam o intestino e aumentam a formação de gases”, Portanto, olho vivo nos vilões de tira gosto que vocês homens tanto gostam acompanhando uma cervejinha: azeitonas, anchovas, salgadinhos em geral, picles, carne seca, os bolinhos fritos,  defumados e embutidos (salame, presunto, bacon), queijos salgados e muito temperados (gorgonzola, parmesão, roquefort), catchup e molhos prontos para saladas;
Quanto de água você realmente tem ingerido por dia???

Pelo menos dois litros ao longo do dia, esta frase é bastante antiga o correto mesmo é estar ciente que quanto mais peso o paciente tem, mais água ele precisa ingerir no decorrer do dia, faça você mesmo (Peso x 35), esta é sua ingestão individualizada de acordo com o peso, mas não durante as refeições, o que dificulta a digestão e favorece a fermentação – e o aumento do volume abdominal. Os líquidos, como água, chás e sucos, além de ajudarem a regular o intestino, permitem também a eliminação do sal. Quanto mais se bebe, mais diluído fica o sódio e mais facilmente ele vai embora com a urina. Mas bebidas gasosas ficam fora dessa, pois dilatam a barriga. “Alimentos ricos em potássio (caso das frutas e dos legumes) são outros que contribuem nessa tarefa de expulsar o sal que ficou sobrando” no organismo. Procure um profissional Nutricionista e não faça dietas milagrosas, não siga indicações de terceiros, tenho certeza que sua saúde vale muito mais…

“A grande arte da vida é acordar, depois de um sonho, levantar depois de um tombo, sorrir depois de uma decepção e nunca desanimar! É olhar para frente… com a esperança de um dia vencer.” Alexsandra Zulpo
 

dicas-para-emagrecer-nutricionista-alessandra-carneiro Dra. Alessandra Carneiro é nutricionista especialista em obesidade e emagrecimento e nutrição esportiva.

 

 

LEAVE A REPLY