tratamentos-calvicie-homem-dicas-cirurgiao-plastico

Hoje no blog um assunto que assusta um pouco os homens, a calvície.

Já ouvi milhares de vezes as pessoas falando que estou ficando careca, que meu pai também é, e que minha entradas estão cada vez maiores. Piadas, a parte, o assunto é sério.

Eu enfrento esse problema, que no meu caso é genético. E convidei uma pessoa top no assunto, o Dr. Otávio Boaventura que é cirurgião plástico e especialista no assunto.

Bati um papo com ele e tirei minhas dúvidas.

dr-otavio-boaventura-cirurgiao-plastico-blog-bruno-figueredo-tudo-sobre-calvicie

 

O homem moderno está mais preocupado com a sua imagem. Isso faz aumentar o número de homens em seu consultório na busca por resolver o problema de calvície?
Dr. Otávio Boaventura: Sim. A cada dia o número de pessoas que busca o transplante capilar só aumenta, assim como aqueles que buscam o tratamento clínico. Os resultados da cirurgia hoje são perfeitamente naturais e algumas técnicas nem mesmo deixam aquela cicatriz linear no couro cabeludo. Não há mais aquele preconceito de antigamente.

 

Quais são os tipos mais comuns de calvície e quais os primeiros indícios?
Dr. Otávio Boaventura: A chamada alopécia androgenética é de longe a mais comum. É a calvície herdada geneticamente e que sofre também influência hormonal. Os primeiros indícios são, geralmente, o afinamento dos fios (miniaturização) e aumento das áreas temporais – popularmente denominadas “entradas”.

Não podemos deixar de citar também fatores externos  que podem levar à queda de cabelo, tais como: estresse, tratamentos medicamentosos, quimioterapia, diabetes. Nestes casos, em quase sua totalidade, a queda é temporária e reversível.

 
Quais são os tratamentos mais utilizados hoje em dia e para qual finalidade?
Dr. Otávio Boaventura: O transplante capilar pelas técnicas FUE e FUT é muito procurado. Os medicamentos também podem trazer um bom resultado. Outra modalidade com eficácia comprovada é o uso do laser capilar. A aplicação de plasma rico em plaquetas – PRP – tem sido muito estudada e é um tratamento promissor.

 

Quais famosos já aderiram a tratamentos como estes?
Dr. Otávio Boaventura: No Brasil vários políticos já optaram pelo transplante, assim como alguns atores. Na Europa o jogador de futebol Rooney se submeteu a cirurgia e teve ótimos resultados.

 

Existem produtos (shampoo, condicionador, pomada, gel) que podem provocar ou potencializar a calvície? Quais são eles?
Dr. Otávio Boaventura: Toda química, se usada em excesso, pode danificar e produzir a queda dos cabelos. Cuidado especial deve ser tomado com os alisantes.

 

Detectei que a calvície está chegando. Quais os primeiros passos?
Dr. Otávio Boaventura: Antes de tomar qualquer remédio, procure um especialista.

 

Que tipo de médico procurar?
Dr. Otávio Boaventura: Um cirurgião plástico ou dermatologista especialista na área. Muito cuidado com redes sociais – já li muitas dicas e afirmações falsas e sensacionalistas. Já pude presenciar uma profissional não-médica receitando minoxidil via oral para calvície. Um detalhe muito importante: essa droga utilizada por via oral tem ação anti-hipertensiva.

 

Deixe um recado final.
Dr. Otávio Boaventura: Quanto mais cedo a calvície se iniciar mais rapidamente o paciente deve procurar um bom médico. Há várias modalidades de tratamento – remédios, laser, cirurgias, etc – alguma será útil para você.

 

Quer saber mais sobre o trabalho do Dr. Otávio Boaventura? Acesse o site www.otavioboaventura.com.br  e siga o Instagram que sempre tem dicas bem legais: @drotavioboaventura

LEAVE A REPLY