Já estou cansado de saber que muitas empresas priorizam o atendimento a clientes via redes sociais. São muitas as que tem um processo interno diferente para reclamações que chegam via 0800 ou teleatendimento, loja física e redes sociais.

 

Por que as empresas têm tanto medo das redes sociais?

Por que pelas redes sociais você consegue anexar provas (vídeos, imagens, textos) e fazer sua reclamação tomar uma proporção gigante. Aquela ideia de que um cliente insatisfeito conta para mais 20, nas redes sociais ele conta para milhares. Na rede social um cliente insatisfeito pode congregar milhares de clientes que estão por aqui com péssimos serviços, atendimento e por aí vai.

 

Adianta priorizar reclamação via redes sociais?

Precisamos de leis mais severas para tudo neste Brasil, e também para as relações entre consumidor e empresa. Estamos cansados da péssima prestação de serviços de operadoras de telefonia, internet, tv a cabo, companhias aéreas e bancos. E nada fazem. Multas daqui, mas essas multas nem cócegas fazem. As reclamações independente de onde vem precisam ser tratadas de maneira séria e rápida. Daqui a pouco 99% das pessoas estarão nas redes sociais e aí, o que as empresas farão? Tudo vai ser prioridade. Eu acho é pouco.

Não adianta priorizar reclamações que chegam por redes sociais. Talvez temporariamente atenda  a empresa, mas não resolve o problema. O problema é o atendimento que a empresa tem que não está funcionando. Que tal rever processos, práticas e conceitos? Eu odeio 0800. Odeio ser tratado como um robô, um ignorante e um otário. Fora que as ligações caem do nada, os profissionais são muito despreparados e na maioria das vezes não conseguimos resolver o problema.

 

Já que nem sempre é possível registrar sua reclamação no Procon, corra sim para as redes sociais.

Se o seu problema vai ser resolvido, não sei. É tanta incompetência por parte das empresas, que fica difícil dizer que mesmo utilizando as redes você conseguirá resolver o seu problema. Mas você pode abrir os olhos de quem pode ser a próxima vítima. Seja educado nas redes sociais, mas avise aos amigos que está com problema com a empresa X. Nada de palavrões, xingamentos ou baixaria. Na classe registre sua reclamação. Se a empresa está nas redes sociais não esqueça de mencionar o Twitter correto ou Facebook. Desta maneira quem sabe algum funcionário mais danado veja a reclamação e tente ajudá-lo.

 

Vamos nessa?

LEAVE A REPLY