perigos-cuidados-dicas-comprar-pela-internet-black-friday

A famosa liquidação norte americana ganha força a cada edição no Brasil.

Este ano, vários shoppings terão a famosa Black Friday. E as lojas virtuais também prometem boas opções para os consumidores.

 

É preciso cautela e cuidado para a compra digital não se tornar um problema real. Eu listei 12 cuidados na hora de aproveitar a Black Friday na rede:

 

1) Primeiramente atualize o anti-virus do seu computador. Os vírus atuais não são como os de antigamente que travavam o computador e gerava problemas. Os vírus de hoje querem simplesmente copiar seus dados, principalmente os bancários.

 

2) Para compras na internet não use computadores públicos e nem lan houses. Esses computadores não são seguros para tais transações. Evite problemas.

 

3)  Veja se realmente o produto está com um bom preço.

Muitas lojas espertinhas até dão desconto de 30, 40%, mas dias antes eleva o preço do produto. Esta prática deve inclusive ser denunciada aos órgãos competentes.

Não compre porque está barato. Pesquisa nos concorrentes o produtos.

 

 

4) Tenha certeza de que é o produto mesmo.

Antes de comprar, verifique detalhadamente a configuração do produto.: voltagem, edição, tamanho, cor. Às vezes o preço muito baixo está relacionado a uma versão básica ou inferior do produto.

 

5) Cuidado com links especiais de Black Friday. As empresas sérias não criam novos endereços para a promoção. Vou dar um exemplo: A loja virtual Sergio K não cria o site blackfridaysergiok.com.br . Geralmente o que pode ser feito é usar o mesmo site sergiok.com.br/blackfriday.

Muitos espertinhos usam deste artificio de usar nome de marcas famosas para criar “sites para a data” e aí aplicam seus golpes.

 

6) Sites seguros

Depois de logar no site ou fazer cadastrar, observe se no navegador o endereço do site passou a apresentar a letra S depois do http:

Os sites seguros usam conexõescriptografadas (mais seguras). O site então deverá apresentar o https

 

 

7) Além do https, o site deve também apresentar um cadeado. Ele também mostra mais segurança para sua transação.

 

8) Se for comprar de um site que nunca comprou, cheque algumas informações: telefones de contatos (tem que ser fone fixo, e se pintou dúvida, ligue antes), CNPJ da empresa, endereço físico (mesmo uma loja virtual, ela precisa declarar onde está).

 

 

9)  Verifique os canais de atendimento da empresa: fone fixo, 0800, canais em redes sociais e até atendimento presencial.

 

10)  Verifique a política de troca da empresa. Mesmo sendo promoção, por ser compra virtual você pode desistir em 7 dias, fazer a primeira troca sem custo. Mas é bom olhar olhar a política pra evitar surpresas. O código de defesa do consumir te garante muitas coisas, mas algumas lojas oferecerem benefícios a mais.

 

11)  Jogue no Google o nome da empresa e veja se existem muitas reclamações. Se verificar um volume alto e reclamações sem solução, fuja desta loja virtual. Outro local interessante para pesquisar são as redes sociais. Hoje em dia os consumidores gostam de registrar boas e más experiências com as empresas.

 

 

12)   Comprou? Imprima ou printe a tela que comprova o pagamento,  frete, data de entrega entre outros. É a sua garantia e provas em casos de processos judiciais ou contatos com a empresa.

 

 

VAI UMA DICA QUENTE!

Os horários mais interessantes para compras, durante a Black Friday são:

– meia noite (quando de fato ela começa), pela manhã entre 8 e 9h e no início da tarde. Geralmente são horários que as empresas postam novas ofertas.

 

Boas compras, galera!

 

LEAVE A REPLY